Nova Atualização das regras para MEI 2019

5.0
01

Microempreendedores individuais devem ficar atentos às novas regras que regem o Simples Nacional

No início de 2019, aconteceram algumas atualizações dos direcionamentos para quem é microempreendedor individual (MEI). Como é sempre bom estar em dia com as novidades, fizemos esse artigo para te informar do que está acontecendo. Confira!

Em janeiro deste ano, 26 ocupações perderam a autorização para ser MEI. Entre elas, está a categoria Operador(a) de marketing direto independente.

Tudo bem , mas o que eu faço agora?

Agora é fundamental que você entre em contato com um contador para entender qual a melhor opção para enquadrar o seu negócio e evitar problemas futuros com o Fisco.

Sabemos que o MEI permite que você faça a gestão financeira do seu negócio sem a necessidade de um serviço de um contador, porém recomendamos que você peça orientação desse profissional para ter certeza de que está adequado às novas regras.

Fique atento ao seu faturamento

Outro ponto muito importante para o MEI ficar atento é o faturamento anual, ou seja, todo o dinheiro que entra nos caixas da empresa. Esse valor também foi atualizado. Agora é possível faturar até R$ 81 mil por ano.

Se você tem o controle financeiro em dia, vai saber quando estiver próximo de ultrapassar esse limite. Caso o seu valor esteja acima do limite, é essencial estudar como funciona a migração para outra modalidade.

Uma dica para deixar isso bem organizado, é inserir todos os valores (gastos ou ganhos) em uma planilha. Ah,e atualizar esse documento todos os dias.

Como abrir a sua empresa

Você ainda não conhecia a possibilidade de abrir uma empresa como MEI? Agora pode ser o momento de regularizar o seu negócio digital. O microempreendedor individual (MEI) é um regime tributário que facilita o desenvolvimento do trabalho do pequeno empresário.

Formalizar o seu negócio digital como MEI permite alguns benefícios muito interessantes. Confira quais são os principais:

  • Conta corrente de pessoa jurídica;
  • Comprar direto com o fornecedor;
  • Recebimento de auxílio-doença;
  • Recebimento de salário-maternidade;
  • Comprar direto do fornecedor;
  • Aposentadoria por idade ou invalidez.

Apesar das facilidades, ser MEI também envolve deveres como o pagamento de impostos e a atenção redobrada para novidades, como esta que contamos hoje.

Para quem ainda não sabia das facilidades de ser MEI, esse é o momento para estudar a possibilidade com cuidado. Lembre-se de sempre buscar pela orientação de um contador. Assim, você não precisa se preocupar mais tarde!

2 Comentários

  1. Avatar

    claudia ap rodrigues

    qual curos vc indica para trabalhar com o celular

    • Olá Cláudia tudo bem? Olha o curso que indico é o da Karine Otto logo vou postar o trabalho dela aqui no blog ok

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + 6 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.